quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Um Estranho Nos Meus Braços - Lisa Kleypas

Um Estranho Nos Meus Braços
Título Original: Stranger In My Arms
Autora: Lisa Kleypas
Editora: O Arco de Diana
Idioma: Português de Portugal




Este é o primeiro livro que leio da Lisa Kleypas, e com certeza não será o último. Gostei muito do estilo dela.
Mais um livro que adquiro via Wook - Keli Nacimento( A Keli é quem me salva e consegue  vários dos meus amados livrinhos de livraria, kkkkk).
Um Estranho Nos Meus Braços é um romance histórico que traz a história de Larrisa Crossland, uma jovem que viu seu marido partir para as Índias Ocidentais 3 anos antes. Quando chegam as notícias de sua morte em um naufrágio, ela não necessariamente fica infeliz, do tipo que arranca os cabelos e se lamuria : OMG!!! Meu pobre maridinho morreu.... o que vou fazer? O que vai ser de mim!!? A Lara não faz nada disso, minhas queridas amigas. Embora não solte fogos de artificio, (até porque a sociedade iria execrá-la né?!!) ela segue com sua vida, afinal, Hunter nunca foi um marido amoroso. Muito pelo contrário, ele era arrogante, devasso, totalmente absorvido pela sua amante, suas caçadas, jogatinas e bebedeiras com os amigos. E a intimidade do quarto então... nossa, o homem era medonho!!! Ele chegava, montava na Lara e depois ia embora... enfim, a mocinha bancava de égua reprodutora... A intimidade do leito conjugal para ela era sinônimo de dor, humilhação e decepção. E, embora o Hunter estivesse acostumado a ter tudo o que sempre quis, na hora que queria, ele não conseguiu fecundar a Lara ( no final das contas a autora não mencionou, mas fiquei com aligeira impressão que o cabra era estéril, embora todos afirmassem que era a Lara).
Com a morte de Hunter, a propriedade e o título  de conde de Howksworth passam a lorde Arthur, que junto com sua detestável esposa, Janet se mudam para a casa, pondo Lara em uma casa menor e em condições inadequadas para a habitação, além de dilapidarem a fortuna da família com suas extravagancias e gosto duvidoso.
Mas como já mencionei, longe de se desesperar, Lara dá um novo sentido a sua vida. Ela passa a dar maior atenção aos menos favorecidos ao seu redor, participando em boas causas, principalmente em relação ao orfanato, onde ela tenta implementar melhorias. Sua vida passa a ser muito mais satisfatória do que quando era casada.
Então, um belo dia, os advogados da família chegam a Howksworth Hall e soltam a bomba:  Hunter está vivo!!! Os advogados estão plena e irrevogavelmente convencidos da identidade do homem que afirma ser o conde, afinal, além da semelhança inegável, ele sabe de coisas que apenas o verdadeiro Hunter saberia.
E pensa que a Lara fica feliz? Na-na-ni-na-não!!!! 
Ter Hunter de volta a sua vida significa o fim da liberdade e autonomia conquistadas. Significa ser forçada a cumprir suas obrigações na cama. Significa viver novamente na dor e humilhação.E o mais inquietante é que, esse novo Hunter que "volta dos mortos" é muito, muito diferente do que partiu. Ele assume as rédeas dos negócios da família, e mostra-se sedutor, desejoso de restabelecer ( ou no caso aqui, estabelecer) uma relação intima com Lara, que por sinal, embora sinta uma enorme atração pelo seu "novo" marido, recusa-se a ceder aos suas investidas sedutoras. Ah, tolinha!!!! eu catava ele na hora!!! Mas a mocinha que era subjugada na cama resiste né, fazer o que? E ainda arranca a promessa de que ele não a forçaria de jeito nenhum a cumprir com seus deveres de esposa. Hunter, claro, concorda. Mas ele tem táticas infalíveis para seduzir Lara e e convencê-la a aceitá-lo em sua cama e desfrutar dos prazeres do ato do amor.
Amei o Hunter!!! Ele é um mocinho arrebatador!! Enigmático, charmoso, sensual, mto, mto hot...Ui! E um tanto torturado (ain que adoro um mocinho torturado). A maneira que a Lisa Kleypas conduziu o retorno do Hunter foi muito bem feita. E confesso que, várias vezes fiquei me perguntando: Será que o bofe caliente é mesmo o Hunter? Será um impostor? Será um gêmeo desprezado pela família?(Lembram do filme O Homem da Máscara de Ferro?).
A Lara é uma heroína admirável em muitos aspectos. Princialmente em uma época em que as mulheres era consideradas propriedade dos maridos e que eram incapazes de sobreviver fora do casamento. Ela fica chocada com o homem que retorna afirmando ser seu marido. Hunter outrora era desprezível, agora mostra-se gentil, honesto, preocupado com seu bem-estar e o mais assombroso, desperta sentimentos que ela NUNCA sentiu por ele antes !!! Mas.... e sempre tem um MAS.... houve  momentos em que a Lara me enervou  muito. Ele judiava do Hunter, tadinho. Imagina o coitado lá... há muito mais de um ano sem tocar em ninguém, louco pra ter um aprouch  com a mocinha e ela só de provocação. Ele beijava... tocava e ela deixando.... desfrutando.... enlouquecendo o bofe e na hora "H" dava pra trás. Gente o bofe quase enlouquece!!! Ain que peninha!!
Outra coisa que me enervou na Lara: ela se preocupava demais com os outros. Tá eu sei, isso é algo louvável, porém, ela deixava os assuntos pessoais de lado. Ela queria resolver tudo... todos os problemas de todas as pessoas a ponto de praticamente impor o seu ponto de vista e seus modos a outros, criando em mim, uma visão de uma pessoa egoísta e egocêntrica!! Sem falar que fiquei louca da vida com algumas atitudes dela quando a verdade veio á tona!! Ain se eu pudesse entrava no livro e chacoalhava ela... Acorda, muié!!!! tu vai arrasar a vida de todo mundo com tua mania!!!
Mas, não vou dizer que ela seja de todo ruim!!! Afinal, vocês me conhecem. Meu negócio são os mocinhos. Mocinhas são poucas em minha lista, kkkkkk.
Adorei o livro!!! Muito, muito bom e só ressaltando, apesar de estar no português de Portugal, podemos ler perfeitamente!!

E olha o que achei. Essa música do Alejandro Sanz.... achei que combina muito bem com o Hunter... ain ain... TDBzudo!!!


Lindinha né? Eu adorei!!


Abaixo capas em inglês.


Fanpop

Abaixo capa do audiobook


14 comentários:

  1. Também virei fã da autora e amei esse livro!!

    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maravilhoso mesmo amiga.To louca pra ler a sua resenha.
      eu quero ler todos dela que encontra pela frente, kkkkkkkkkkkkkkkk
      Bjus

      Excluir
  2. Menina!!!! Adorei! Fiquei super curiosa, ele era ou não era mesmo o marido da moça??? agora vou me rasgar de curiosidade??? não tenho $$$para comprar da Wook, até tenho cadastro mas, cartão nenhum!!!
    Desculpa eu não comentar sempre, estou com problemas com o Chrome.
    Bjus!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahaha Fabi eu não podia entregar o ouro, mas juro que os dedos coçaram nas teclas do pc, kkkkkkkkkkkk.
      Vou te passar o perfil da Keli. Encomenda com ela
      bjus

      Excluir
  3. Amiga, cheguei a ficar nervosa agora! É muito livro bom nesse mundo, como é que vou conseguir ler tudo???? Ai, Jesus...... Esse mocinho aí parece ser TDB. Agora quero saber: o cidadão é ou não é o "falecido" da mocinha?!?!?! Vou morreeeeeer de curiosidade, amiga. Me contaaaaaaaa!!!!!
    Ai, e a música... *suspira*... muito linda. E esse idioma dá um ar todo romântico, né?!
    Ô lá em casa......

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Sulen, não morre não amiga. Mas naõ posso contar... juro que coçam os dedinhos na tecla, e pra quebrar adoooooooooooro um spoiller e fico pra morrer qndo não me contam, portanto sei o que vc está sentindo. Mas não posso entregar o ouro.
      Achei a música tudo a ver com ele. E o bofe é TDB d+!!!!
      bjus

      Excluir
    2. Ai, amiga mááá!!! Vou ficar babaaaando aqui.....
      =(
      Ah, e a música é mesmo lindaaa!!! Xonei, hehe!!!

      Excluir
    3. Chora não Su.
      Assim eu me sinto tão maquiavélica, kkk

      Excluir
  4. Tenho-o aqui em casa mas ainda não li. Pela descrição faz lembrar muito aquele filme com o Richard Gere (Sommersby). Um filme lindo, aliás! No filme o Richard Gere não era o marido dela. Nesse livro não sei, mas estou ansiosa para descobrir. rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale a pena conferir Carla.

      Excluir
    2. Já conferi, Alexis.

      Ai, estou apaixonada pelo Hunter!!! rs
      Que lindo! Amei!

      Bjs

      Excluir
    3. Ele é irresistível... sensualmente encantador...ai, ai... suspiremos Carla, suspiremos!!

      Excluir
  5. Adorei Aléxis!!
    Gosto muito de romances, de mocinhos, que se redimem.
    *Bye*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Marla!!!!!
      Se vc tiver oportunidade leia. Vias gostar.
      bjus

      Excluir

Adorei a sua visita!!!
Seu comentário é sempre bem vindo!!!
Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
E volte sempre!!!